Campanha “Orgulho de Ser Intensivista” feita para você!

A AMIB (Associação de Medicina Intensiva Brasileira) comemora neste ano 30 anos de atuação, trabalhando sempre para fortalecer a especialidade e levar aos profissionais que atuam nas UTIs (Unidades de Terapia Intensiva) informações para que possam, a cada dia, melhorar o atendimento a seus pacientes.

Nossas ações buscam congregar os médicos e outros profissionais da saúde que abraçam a terapia intensiva e o atendimento a pacientes graves ou de alto risco no seu dia a dia. E o objetivo da AMIB é oferecer informações e formação para que esse atendimento seja referência em todo o mundo. Por isso nosso foco é sempre qualidade e segurança.

Hoje, somos quase 6.500 associados e temos representatividade em 25 regiões nacionais. No nosso quadro social estão cadastrados mais de 24 mil médicos e profissionais de saúde.

Uma de nossas importantes missões é levar o conhecimento e o aperfeiçoamento a todos os profissionais que compõem as equipes de terapia intensiva. Para isso, promovemos reuniões e atividades de educação continuada de caráter científico, tais como congressos, simpósios e cursos de atualização.

Já estamos na décima quinta edição do CBMI (Congresso Brasileiro de Medicina Intensiva), hoje considerado o maior da América Latina da especialidade, que recebe anualmente cerca de cinco mil participantes vindos de várias regiões de nosso país e do exterior, além dos mais expressivos nomes entre palestrantes nacionais e internacionais.

A valorização da especialidade é outro ponto de destaque e a AMIB busca ampliar a cada ano o número de médicos intensivistas titulados coordenando as UTIs brasileiras.

E sabendo que cada ação deve ser pensada e desenhada de acordo com as necessidades da especialidade e da população atendida, a AMIB foi conhecer de perto seu público direto – a equipe intensivista – e a infraestrutura oferecida para que esses profissionais possam atuar dentro dos objetivos da AMIB: com qualidade e segurança, assim valorizando cada vez mais a nossa especialidade.

• CENSO AMIB

2009 foi um ano muito importante para a especialidade. A AMIB elaborou o primeiro estudo que apresentou uma visão do cenário das UTIs no País. Para se chegar aos resultados foram utilizados dados secundários oficiais disponíveis do CNES Cadastro Nacional dos Estabelecimentos de Saúde e do IBGE.

Os resultados surpreenderam e confirmaram que ainda há muito a ser feito. Segundo o Ministério da Saúde, calcula-se, em média, a necessidade de 4% a 10% do total de leitos hospitalares. O que corresponde a 1 a 3 leitos de UTI para cada 10 mil habitantes.
E segundo a apuração do Censo AMIB, o Brasil tem 1,3 leito de UTI para cada 10 mil habitantes, sendo que regiões inteiras ainda estão abaixo desse índice.

 
 

A valorização da Medicina Intensiva

Para superarmos desafios era preciso conscientizar a todos
sobre a importância da especialidade e sua atuação. Foi assim
que foi idealizada a primeira edição da campanha nacional
Orgulho de Ser Intensivista no ano passado, com foco na
conscientização da população e dos profissionais pares, além da
desmistificação do ambiente UTI.

Mas a luta continua e a AMIB lança a segunda edição da
campanha nacional Orgulho de ser Intensivista, que teve início
em setembro e terminará em dezembro.

O mote deste ano é a Segurança e apresentará aos profissionais
de saúde e ao público em geral o que é uma UTI Segura, qual a
atuação médica recomendada e quais os equipamentos e
medicamentos mais adequados para a contribuição com a prática
segura no ambiente das Unidades de Terapia Intensiva.

Atividades Estratégicas

Para profissionais intensivistas

• 150.000 guidelines
O documento apresentará dez sugestões e como aplicá-las para
ter uma UTI Segura.
• 5.000 cartazes
A serem fixados nos serviços de UTIs de todo o Brasil.
• 20.000 cartilhas
Ser o distribuídas nos principais congressos médicos com
informações sobre a campanha e suas ações.
• Cursos AMIB
Focar temas que possibilitem a implementação de processos
adequados a uma UTI Segura.

Para pacientes, familiares e população
• 550.000 livros ilustrados
Familiares e amigos de pacientes que estão nas UTIs de todo
o Brasil receberão, nas salas de espera, um livro contando a
história de Cadu, Ester, Júlia e Gabi, que passam por esse
momento tão delicado. O formato ajudará a assimilar de maneira
lúdica situações relacionadas ao ambiente no qual seu familiar
está sendo atendido. A identificação trará mais tranquilidade e
segurança a todos que passam pelas mesmas situações.
• 5.000 cartazes
Serão fixados por vários ambientes dos hospitais.
• 1 milhão de flyers
Serão distribuídos em locais de grande circulação da população
leiga.
• UTI Cênica
Durante o CBMI 2010, a ser realizado em Brasília, será montada
uma UTI Cênica com o objetivo de desmistificar o medo que as
pessoas sentem desse local, de apresentar como é o dia a dia
nas UTIs e mostrar seu ambiente seguro para a recuperação dos
pacientes. Na ocasião, os visitantes poderão sanar suas dúvidas
com médicos intensivistas que acompanharão a ação.

 
     
 
Copyright 2010 © Associação Brasileira de Medicina Intensiva - Todos os direitos reservados